sábado, 5 de novembro de 2011

{and} New love

ORDEM DE DESPEJO: por não conseguir contribuir para a minha subsistência dou por encerrada a sua participação na minha vida. Devo informá-lo que me fez sofrer com as suas estúpidas mentiras fingidas das quais não tenciono viver mais. Sinta-se feliz por não lhe cobrar todas as lágrimas, porque realmente de si não quero mais nada. Mandei as suas memórias pela janela, agradeço que faça alguma coisa com elas, estão a obstruir-me a vista para o resto do mundo onde, ao contrário de vossa excelência, passa gente interessante. Bem haja e, caso não seja grande incómodo, faça favor de nunca mais me aparecer à frente.

Sem comentários:

Enviar um comentário